• Manu Mayrink

#JáLi - "Orgulho e Preconceito", de Jane Austen


Trechos para anotar no caderninho:

- A candura afetada é bastante comum; encontra-se por toda a parte, mas ser cândida sem ostentação ou artifício, ver o lado bom do caráter de todo mundo, torná-lo ainda melhor, ignorar o lado mau, são coisas que lhe pertencem exclusivamente.

- A vaidade e o orgulho são coisas diferentes, embora as palavras sejam frequentemente usadas como sinônimos. Uma pessoa pode ser orgulhosa sem ser vaidosa. O orgulho se relaciona mais com a opinião que temos de nós mesmos, e a vaidade, com o que desejaríamos que os outros pensassem de nós.

- A felicidade no casamento é apenas uma questão de sorte. Mesmo que os noivos conheçam mutuamente as suas tendências, mesmo que essas tendências sejam semelhantes, isso em nada contribui para a felicidade posterior. As diferenças, que se acentuam com o tempo, são sempre suficientes para que se venha a sofrer um quinhão de amargura.

- "Nada é mais enganoso do que a aparência da humildade", disse Darcy, "às vezes é apenas pouco caso e, ouras vezes, uma maneira indireta de se gabar".

- Ele possui uma virtude muito rara, que é ser impermeável ao ridículo. Espero que continue a ser rara, pois eu consideraria uma grande infelicidade possuir muitas relações desse gênero. Gosto muito de rir.

- Quanto melhor conheço o mundo, menos ele me satisfaz; e a cada dia vejo confirmada a minha crença na incoerência de todos os caráteres humanos e na pouca confiança que se pode depositar na aparência do mérito ou do bom senso.

- Não estava na sua natureza, no entanto, remoer os desgostos, tornando-os assim maiores. Bastava-lhe o consolo de ter feito os seu dever.

#livros

17 visualizações
Foto Sandro_2_edited.jpg

Manu Mayrink é fanática por livros, filmes, séries, música e lugares novos.  A internet é seu maior vício (ao lado de banana e chocolate, claro) e o "Alguém Viu Meus Óculos?" é seu xodó. Ela ama falar (muito) e contar pra todo mundo o que anda fazendo (taurina com ascendente em gêmeos, imagine a confusão!). Já morou em cidade pequena e em cidade grande, já conheceu gente muito famosa e outras não tanto assim (mas sempre com boas histórias). Já passou por alguns lugares incríveis, mas quando o dinheiro aperta ela viaja mesmo é na própria cabeça. Às vezes mais do que deveria, aliás.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram