• Manu Mayrink

"Encantados", de Tizuka Yamazaki, e a riqueza das histórias da floresta


Muitos de nós vivemos em grandes cidades, sempre com muitas pessoas, muito concreto e muita tecnologia a nossa volta. Mas como será que é viver na floresta, próximo ao verde, aos seres da natureza e a todas as histórias que cercam o local? Em "Encantados", conhecemos a pajé Zeneida Lima e a lenda de seres da natureza que existem no interior do Pará. O Encantado é uma figura do folclore brasileiro com origem principalmente indígena, um tipo de entidade sobrenatural. Segundo a mitologia Kalankó, por exemplo, os encantados seriam ancestrais que após morrerem, tornaram-se parte da natureza. Como outros deuses ou entidades, há quem ache tudo uma baboseira e quem afirme já ter tido contato direto com eles. Este último é o caso de Zeneida Lima, que conta sua história no livro "O Mundo Místico dos Caruanas da Ilha do Marajó", que deu origem ao longa de Tizuka Yamazaki.

Na produção, em cartaz em algumas salas de cinema do país, Zeneida é interpretada por Carolina Oliveira. Uma das filhas de um importante político do Pará e com mais dez irmãos, ela se destaca por seu jeito atrevido, perseverante e teimoso. Sensitiva, vê e escuta coisas que mais ninguém enxerga ou ouve, e após se mudar para a Ilha do Marajó fica encantada com Antônio (Thiago Martins), figura misteriosa que encontra nas andanças pela propriedade da família. A paixão pelo estranho e a intimidade com a natureza não são vistas com bons olhos por seus pais e a jovem rebelde passa a enfrentar um grande conflito dentro de casa ao ser considerada louca.

Rodado em 2009, apenas agora o longa conseguiu espaço nas telonas. Em entrevista ao blog, Dira Paes (que interpreta Cotinha) conta que se ainda se surpreende, porque consegue perceber o quanto o longa é atemporal:

- Quando eu vejo, eu consigo perceber que ele ganhou uma atemporalidade, ele ganhou o próprio tempo. A essência dos personagens está aqui presente. Eu me emociono sempre que eu vejo, é uma sensação muito boa, muito genuína, porque eu sei o que vai acontecer, mas mesmo assim eu sou tomada pela emoção.

Pra Carolina Oliveira, de 23 anos, é ainda mais estranho se assistir nas telonas quando ainda estava em uma fase de entrada na adolescência:

- Parece que só eu envelheci. Não parece que sou eu ali na tela e isso gera um distanciamento, sabe? É muito emocionante e conseguimos levar esta emoção pra pessoas de todas as idades e de todos os lugares.

"Encantados" permite ao espectador sair de seu lugar de conforto e buscar entender como o mundo é muito maior do que aquilo que conhecemos ou já ouvimos falar. E é importante estar aberto para entrar nesta história que mescla garra, empoderamento feminino (imagina ser mulher e pajé! Zeneida precisou enfrentar muita coisa), amor, paixão, força e poder da natureza...

A pajé Zeneida Lima, hoje com 83 anos, é educadora, escritora e fundadora da Instituição Caruanas do Marajó Cultura e Ecologia.


#Filmeseséries

19 visualizações
Foto Sandro_2_edited.jpg

Manu Mayrink é fanática por livros, filmes, séries, música e lugares novos.  A internet é seu maior vício (ao lado de banana e chocolate, claro) e o "Alguém Viu Meus Óculos?" é seu xodó. Ela ama falar (muito) e contar pra todo mundo o que anda fazendo (taurina com ascendente em gêmeos, imagine a confusão!). Já morou em cidade pequena e em cidade grande, já conheceu gente muito famosa e outras não tanto assim (mas sempre com boas histórias). Já passou por alguns lugares incríveis, mas quando o dinheiro aperta ela viaja mesmo é na própria cabeça. Às vezes mais do que deveria, aliás.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram