• Douglas Oliveira

Projeto 198 Livros – Navegar é preciso


O projeto literário e geográfico tem duas razões contraditórias. A primeira é a máxima camoniana “Navegar é preciso”, que permeia os jovens desde as Grandes Navegações até os Grandes Likes. Quem nunca quis largar tudo e subir em uma Kombi adaptada para viajar os cinco continentes colecionando momentos e histórias. A segunda razão para embarcar nessa loucura de ler 198 livros é a realidade: como conhecer o mundo se a realidade não te deixa, muitas vezes, conhecer outro bairro. Sabemos do privilégio que é ter acesso a literatura, ainda mais de outros países, que inclusive não são traduzidos no Brasil, quanto mais poder conhecer pessoalmente esses países. Assim, entendo esse projeto como um desafio pessoal e também como oportunidade de conhecer outras realidades e histórias que, sem a inciativa, dificilmente teria contato. Obrigatoriamente o projeto é literário, mas sempre que possível, buscarei incrementar minha experiência com filmes e músicas.

O projeto já foi feito por muita gente, brasileiros e internacionais. Eu o conheci pela Camila Navarro (do Blog Viaggiando), assim que darei a ela os créditos. Vamos a burocracia:

Prazo: Não vai ser fácil ler 198 livros em um prazo curto, mas minha meta é poder ler dois por mês. Vou conseguir? Aguarde e verás.

Países: Vou considerar todos os países da ONU e seus dois estados-observadores, Palestina e Vaticano, além do Kosovo, Taiwan e Saara Ocidental, que são reconhecidos como países por uma grande quantidade de membros da ONU.

Escolha dos países: Vou começar pelos mais fáceis. Algumas pessoas fazem sorteios para definir os países, acredito que isso irá dificultar muito minha vida. Leio em português, espanhol e até o fim do projeto pretendo ler melhor em inglês e italiano. Logo, vou começar com os países de língua espanhola e língua portuguesa, também vou seguir uma ordem motivada por interesses e curiosidades pessoas entre os continentes: começarei pela América, seguirei por Europa, África, Oceania e Ásia. Deixarei o Brasil por último nesse projeto.

Preferência dos livros: Para ser sincero, o que for mais fácil de se encontrar gratuitamente ou mais barato possível. Pode ser romance, clássico ou contemporâneo, crônicas e contos ou poesias. Mas buscando um texto edificador que me permita conhecer as impressões do autor nativo sobre seu próprio país.

O primeiro destino será:

CHILE

#livros

13 visualizações
Foto Sandro_2_edited.jpg

Manu Mayrink é fanática por livros, filmes, séries, música e lugares novos.  A internet é seu maior vício (ao lado de banana e chocolate, claro) e o "Alguém Viu Meus Óculos?" é seu xodó. Ela ama falar (muito) e contar pra todo mundo o que anda fazendo (taurina com ascendente em gêmeos, imagine a confusão!). Já morou em cidade pequena e em cidade grande, já conheceu gente muito famosa e outras não tanto assim (mas sempre com boas histórias). Já passou por alguns lugares incríveis, mas quando o dinheiro aperta ela viaja mesmo é na própria cabeça. Às vezes mais do que deveria, aliás.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram