"Synthesis" e o retorno do Evanescence depois de seis anos sem um álbum


Quem é da minha geração provavelmente teve algum momento da adolescência marcado por Evanescence. Foi a voz de Amy Lee que embalou meus momentos góticos. A letra, a melodia, os instrumentos clássicos e a guitarra pesada, a voz potente... tudo faz da banda norte-americana uma das maiores referências no gênero. E fiquei foi muuuito feliz em saber que, no último dia 10, eles botaram pra jogo o novo álbum, depois de seis anos: "Synthesis".

O trabalho é exatamente como o nome dá a entender: uma síntese de vários momentos da banda. Temos algumas incríveis músicas inéditas, como "Imperfection" (um dos singles e, para Amy, a música mais importante do disco), mas principalmente regravações, desta vez com a presença marcante de um arranjo de orquestra e um toque de música eletrônica. Evanescence aproveitou esse momento para atualizar seus grandes sucessos. Em"Synthesis", é possível conferir uma nova versão de "Bring Me To Life" (Amy Lee diz ter ficado muito feliz em poder realizar esta regravação, já que ela não curtia o rap da versão anterior. Segundo ela, foi feito apenas uma exigência das rádios para que fosse tocada na época) e "My Immortal" (Amy disse que odeia a versão que todos nós amamos e sofremos juntos. Segundo a vocalista, ela ainda era muito novinha naquela época e estava descobrindo sua voz, então curtiu fazer com sua voz mais madura de agora e quer que esta versão seja a queridinha do público)

"Synthesis" tem 16 músicas, mas apenas duas são inéditas. De resto, todas regravações. Algumas tem mudanças significativas, como a nova versão de "Bring Me to Life" (agora amo tanto o jeito antigo e o atual! :p)

Evanescence não perde sua essência, mas também não parece trazer grandes novidades. E segue sendo aquela banda que estará sempre nos nossos corações.

Confira o clipe de "Imperfection", uma das músicas inéditas deste novo trabalho:


E aqui você pode conferir o CD completinho!

#Música

Posts em breve
Fique ligado...
Foto Sandro_2_edited.jpg

Manu Mayrink é fanática por livros, filmes, séries, música e lugares novos.  A internet é seu maior vício (ao lado de banana e chocolate, claro) e o "Alguém Viu Meus Óculos?" é seu xodó. Ela ama falar (muito) e contar pra todo mundo o que anda fazendo (taurina com ascendente em gêmeos, imagine a confusão!). Já morou em cidade pequena e em cidade grande, já conheceu gente muito famosa e outras não tanto assim (mas sempre com boas histórias). Já passou por alguns lugares incríveis, mas quando o dinheiro aperta ela viaja mesmo é na própria cabeça. Às vezes mais do que deveria, aliás.

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube
  • Pinterest
  • Instagram